São Carlos, Segunda-Feira, 26 de Outubro de 2020

 

 

Notícias
 
 

Sergio Rezende fala de seus planos à frente do MCT

 
 
  Fonte: Site do MCT, 25/07/2005  
 
  Renata Dias, da Assessoria de Imprensa do MCT  
 
  Dar continuidade às ações divididas nos quatro eixos prioritários: Expansão e Fortalecimento do Sistema Nacional de C&T; Política Industrial, Tecnológica e de Comércio Exterior; Objetivos Estratégicos Nacionais, e C&T para Inclusão Social. Esse é o objetivo principal do ministro da Ciência e Tecnologia, Sergio Rezende, à frente da Pasta. Em sua primeira entrevista coletiva, realizada na manhã de hoje (25), o ministro afirmou que não fará muitas mudanças na equipe do Ministério.
"Meu trabalho aqui será consolidar as ações iniciadas na coordenação anterior e intensificar a articulação entre todos os atores envolvidos. A gestão de Eduardo Campos foi importante para dar visibilidade e centralidade às ações do ministério, que ganhou destaque e relevância em decisões no âmbito do governo federal. Minha ação será dar curso ao que foi iniciado. E tenho certeza que vamos ter muito o que mostrar até o fim do mandato do presidente Lula", declarou Sergio Rezende.
As atividades do novo ministro começam efetivamente hoje (25). Empossado na última quinta-feira (21), Sergio Rezende acompanhou o presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, em viagem para o Rio de Janeiro para a inauguração da fábrica de medicamentos da Fundação Osvaldo Cruz, e a posse do novo presidente da Petrobrás, José Sérgio Gabrielli, na sexta-feira (22).
Na entrevista, o ministro reconheceu que esta não é a melhor fase política para o Governo, mas explicou que trabalhou para o presidente da República, quando ele era candidato, em 1989, contribuindo com propostas para a área de ciência e tecnologia. Rezende demonstrou disposição para trabalhar e intensificar a interação entre os agentes do MCT, agências e unidades vinculadas, e outras entidades do governo federal. "Vou dedicar meu tempo a aperfeiçoar essas interações e tocar os planos para frente", afirmou.
Entre as prioridades, Sergio Rezende citou a importância de atrair jovens para a Ciência e Tecnologia e intensificar os programas de divulgação e popularização da ciência. Ele afirmou, ainda, que dará atenção especial para a implantação da segunda fase do projeto Rede Giga e que destacará a ação do MCT no sentido de estimular a inovação em pesquisa e desenvolvimento dentro das empresas brasileiras.
Em relação aos recursos para área de C&T, o ministro Sergio Rezende acredita que a regulamentação do Fundo Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (FNDCT), recentemente aprovada pelo Congresso Nacional, abre a possibilidade de mais recursos para área. "Os fundos setoriais são instrumentos importantes para financiar ações de C&T. Há uma evolução grande na disponibilidade dos recursos desses fundos que em 2002 contava com R$ 32 milhões, e agora, em 2005, tem R$ 750 milhões para serem utilizados", avaliou. Outra ação ressaltada foi a implantação de ações transversais para contemplar atividades e projetos relacionados a vários fundos setoriais e áreas que não contam com um fundo setorial específico.
Programa Juro Zero
Sergio Rezende falou do Programa Juro Zero, da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), agência de fomento do MCT, que dará recursos para pequenas empresas inovadoras que não têm garantias reais. Os recursos serão da ordem de R$ 100 milhões, provenientes de um programa da Finep com o Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT). Os parceiros locais da Finep já foram selecionados e o empréstimo, para cada empresa, será limitado a R$ 900 mil ou a 1/3 do faturamento do ano anterior.
As empresas beneficiadas podem ser de qualquer segmento e devem ser inovadoras em produtos ou processos. As empresas poderão pagar os empréstimos em até 100 parcelas, sem juros, além da inflação medida pelo IPCA, e não haverá prazo de carência. O programa será lançado oficialmente nas próximas semanas.

 

 
 
  <-- Anterior     Próximo -->     Voltar  
 
 

 

Fundação de Apoio Institucional ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico
Rodovia Washington Luís, km 235 – Caixa Postal 147
CEP: 13565-905 – São Carlos, SP
Telefone: (016) 3351-9000 Fax: (016) 3351-9008
CNPJ: 66.991.647/0001-30    I.E.: 637.148.460.118
e-mail: fai@fai.ufscar.br